Parque Nacional Chileno cria trilha para deficientes

Parque Nacional

Sabemos a importância do contato com a natureza para o desenvolvimento humano, ajudando na coordenação motora, criatividade e até mesmo podendo evitar doenças como depressão. 

Porém, infelizmente algumas pessoas sofrem com limitações físicas e/ou não possuem alguns sentidos(cego, mudo, surdo), ou seja, não conseguem sair em aventuras com trekking. 

Felizmente, pensando em ajudar as pessoas com deficiência, a Corporación Nacional Forestal(Conaf), do Chile, desenvolveu a primeira trilha 100% natural pró´ria para as pessoas com deficiência física e visual. 

A trilha está localizada na cidade de Temuco, que fica a 670 Km ao sul da capital Santiago, o nome da trilha é Los Copihues. 

 

Los Copihues

O nome faz referência a flor nacional do Chile, os funcionários chamam de terapia dos bosques. 

Os deficientes que forem se aventurar nessa trilha, poderão sentir a texturas das folhas, poderão tocar nas árvores e ainda aproveitar o ambiente natural. 

Inicialmente, a trilha terá 200 metros de extensão, a ideia do parque é replicar a iniciativa de inclusão que existe em outras regiões no Chile. 

O Parque Nacional de Turismo Cerro Nielol recebe, anualmente cerca de 33.000 visitantes, ou seja, possui estrutura para os visitantes e já tem experiência com o público, logicamente que, para esse caso, há a necessidade de um treinamento, já que os guias serão responsáveis pelos deficientes. 

 

O Parque Nacional de Turismo Cerro Nielol

O Parque Nacional de Turismo Cerro Nielol possui 900 mil m², uma área considerável para começar a aplicar diversos programas de inclusão. 

Uma peculiaridade desse parque é a proximidade com o nível do mar, já que ele está localizado entre 115 a 335 metros acima do mar. 

As principais atividades no Cerro Nielol são: caminhada e piquenique. 

 

Esse projeto de inclusão realizdo no Chile, pode ser um propulsor para que os demais parques nacionais dos países vizinhos comecem a aplicar uma filosofia parecida. O que acham?

 

 


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Por favor aguarde...