A evolução das mochilas na prática Outdoor

Mochilas

Recentemente fizemos um texto falando de como a tirolesa evoluiu com o passar dos anos, proporcionando inúmeras experiências únicas. 

Porém, a tirolesa não foi a única a evoluir no meio outdoor, diversos equipamentos também evoluiram para se adaptar as necessidades de um praticante de esporte outdoor, como por exemplo a mochila.

Atualmente a mochila serve para transportar diversos tipos de equipamentos e possuem diversas versões, mas no começo era usada exclusivamente por caçadores, para que eles armazenassem o animal abatido. 

Além de muito simples, a mochila não possuía tecnologia alguma, então não havia conforto e nem nada parecido com o que temos hoje. 

Com o passar do tempo isso mudou e hoje uma mochila bem escolhida, faz total diferença. 

 

O que a evolução da mochila proporcionou na prática?

- Trekking em lugares chuvosos

Com capa de chuva embutida, tecnologia de impermeabilidade exepcional, as mochilas mais atuais proporcionam extremo conforto e segurança para o usuário quanto para os itens armazenados dentro do equipamento de carga, evitado dores de cabeças em lugares molhados. 

 

- Trekking em lugares quentes

Com a tecnologia aircontact, o suor que fica armazenado nas costas não existe, já que essa inovação permite que o seu corpo transpire com enorme eficiência, além disso vai evitar irritações e assaduras nos pontos de contato. 

Com isso, os dias de trekking mais quentes não serão mais problemas. 

 

- Conforto nas costas

Quando você compra uma mochila, você vê no equipamento diversos pontos de ajustes, isso fez com que subidas mais íngremes e longas caminhadas fossem feitas com menos incomodo nas costas, tudo graças a tecnologia de distribuição de peso. 

 

- Versatilidade

Não vai carregar peso e sim andar de bicicleta? Não tem problema, atualmente há uma variedade de modelos de mochila que servem para o dia a dia, andar de bicicleta e até mesmo carregar equipamentos especifícos como mochila para corda. 

Com isso, a mochila é desenhada para se adaptar as situações que um ciclista pode vivenciar, sem causar incomodo e mantendo a fluidez da prática. 

 

Cuidados com a mochila

Mesmo com muita evolução, a mochila ainda possui uma vida útil, que pode ser curta caso o equipamento sofra com descuidos do dono. 

Evite de jogar a sua mochila no chão, pisar em cima dela e usa-la fora da função, como por exemplo: bóia. Use a sua mochila como equipamento de carga, ou seja, para carregar outros itens. 

Outro detalhe que vale ser ressaltado é a organização interna e a quantidade de itens faz toda diferença. Se a mochila suporta 10L, não coloque 11L, porque você, sua coluna, costas e mochila, vão se dar mal. 

A organização interna está voltada em deixar os itens mais epsados mais próximos da coluna, para o praticante não sofrer com um peso puxando ele para trás e as miúdezas espalhadas nos diversos bolso externos, principalmente os itens mais essenciais. 

 

Com a mochila ideal e bem cuidada, você pode se aventuar em qualquer lugar do mundo que você não tera problemas em relação as cargas. Conta para gente qual a sua companheira de viagem(Marca - Modelo - Litragem) e o que você mais gosta nela! 

 


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Por favor aguarde...